BlogBlogs.Com.Br

BEM VINDO AO MEU BLOG

Vou compartilhar com você informações sobre o mercado imobiliário no Canadá, assim como algumas experiências pessoais após 9 anos vivendo aqui.







domingo, 2 de março de 2014

Múltiplas Ofertas - Uma Realidade do Mercado Aquecido




Esta é uma realidade na qual você pode se ver envolvido e ela acontece no mercado de compra e venda e também aluguel de imóvel no Canada todos os dias. Principalmente quando o inventário é mais baixo que a demanda. Isto significa que o mercado está favorável aos vendedores. Esteja preparado para ganhar ou perder.

Chega a primavera, a neve derrete e o mercado imobiliário fica bem mais ativo. Vendedores devem estar com suas casas "nos trinques"  e compradores devem estar preferencialmente com o financiamento aprovado e critérios de compra alinhado entre os parceiros. Esta é uma receita infalível para uma  venda rápida e a compra da casa dos sonhos ( ou mais próximo dele), nem que seja até o próximo passo.

segunda-feira, 1 de abril de 2013

De Olho no Mercado


O mercado imobiliário é dinâmico e sofre os impactos da economia em todas as suas instâncias.  Portanto abertura de novas empresas com criação de novos empregos, processos de expansão nas indústrias locais, entrada de novas faculdades e universidades,  assim como demissões e fechamento de grandes empresas são fatores que diretamente afetam os preços de imóveis e podem até mesmo mudar os planos diretrizes do governo municipal.

Uma atuação clara disto eu vi em Oshawa. Quando a GM e outras empresas fizeram demissão em 2008, houve um burburinho imenso sobre queda de valores de imóveis e crise no setor. Houve um aumento nos processos de perda de imóvel por um período, com quedas em preços nestas casas em torno de  20% em relação aos similares vendidos anteriormente.O inventario subiu muito com casas levando  mais que o dobro do tempo para vender e outras tantas não vendendo.   Muitos proprietários  que precisavam vender abaixaram seus preços e para quem tinha crédito, financiamento garantido, foi a época certa de comprar.  Depois as coisas foram gradativamente retornando e voltaram ao eixo. No ano seguinte numa reunião na Câmara de Comércio o governo municipal anunciava as mudanças,  permitindo a transformação de prédios antigos da área central da cidade em casa para estudante, rezoneamento de área residencial simples para residencial com duas ou mais unidades. Estas mudanças não só foram responsáveis pela revitalização do centro da cidade como permitiu uma injeção de energia no mercado.

Já decisões a nível governamental de controle ou liberação de juro afetam o mercado como um todo pois pode aumentar ou diminuir o acesso  ao crédito de cada um.
O  governo canandense vem  mantendo os juros num patamar mais baixo e  o mercado imóbiliário reagiu bem com um alto consumo, pois muitas pessoas tiveram acesso ao primeiro imóvel. Em meados de 2012, o governo resolveu mudar de tática para controlar o nível de endividamento do canandense e mudou o acesso a crédito para compra da casa própria. Com a política atual de mínimo de 5% de entrada, comprometimento máximo de 32% da renda  e financiamento máximo em 25 anos , o governo deu uma controlada no nivel de individamento da população, mantendo o acesso ao crédito porém de forma mais limitada , jogando um pouco de água na fervura.
Desde 2009 quando o mercado começou a reagir, após a queda de 2008, o que notamos no mercado imóbiliário foi uma procura por padrões cada vez mais altos e compradores usando todos os  recursos financeiros possíveis e já comprando algo no topo de sua capacidade. Ao invés de subir os degraus, as pessoas já foram logo buscando o máximo.
Compradores com família pequena, ou jovens, recém casados e mesmo solteiros ao invés de seguir o esperado, que seria comprar  uma casa geminada ou condo, já partiram logo para uma imóvel com um quarto a mais ou uma casa isolada com três ou quatro quartos.

O que muita gente não faz é o cálculo dos custos indiretos desta decisão: juros pagos ao longo dos anos nesta parte da casa subtilizada, custos de manutenção- luz, aquecimento, manutenção (envelhecimento natural do carpete, pintura, janela, telhado, etc). Não basta ter uma prestação que cabe no bolso, mas também pensar na percentagem de crescimento da equity no imóvel. Com uma entrada maior do que 5% num imóvel menor e mais barato pode permitir ao comprador  se tornar dono de um percentual maior da casa  em menos anos. Mesmo que o imóvel valorize, se os custos desta compra mais a manutenção forem altos, podem  onerar e engolir os ganhos ao longos dos anos.

Embora os dados estatíscos refletem uma média de região ou províncial, que ajuda a criar um parâmetro, quando se trata de tomar uma decisão que involve investir na propriedade ou vender, um corretor local poderá lhe ajudar a determinar se o que você quer fazer acrescentará valor no seu imóvel na proporção que você imagina ou se os seus gastos serão cobertos pela valorização. Dentro de uma  mesma cidade, uma vizinhança poderá ter uma valorização de 5 % e outra de 3%. Portanto saber quanto tempo você pretende morar no imóvel e quais melhorias fará  ao longo do período em que for o proprietário ajudará a maximizar os ganhos ou evitar as perdas.

Comprar um imóvel e vender em um período inferior a 3 anos pode em muitos casos significar perda de dinheiro. Acompanhar o mercado local para tomar decisões conscientes é fundamental.

Geralmente no começo da primavera eu informo aos clientes que compraram comigo como anda a movimentação de imóvel na região deles. Alguns deles costumam me pedir informação para decidir se reformam um cômodo da casa ou se terminam o basement por exemplo.  Cada caso é um caso.

Por exemplo: um cliente comprou uma casa em 2008 e na região dele o imóvel valorizou cerca de 10% desde então. Ele queria terminar o basement, mas o banheiro social precisa de cuidados. Minha sugestão foi renovar o banheiro ao invés de terminar o basement, pois na região dele a maioria das casas vendem sem basment acabado. Portanto são acozinha e o banheiro que vão contribuir com o valor e a rapidez da venda.

Já outro cliente comprou em 2010 e os imóveis na área estão vendendo cerca de 20 a 25% acima se tiverem basement acabado com um banheiro de 2 ou 3 peças. No caso dele,  se ele investir cerca de 15 mil no basement o retorno será garantido, com sucesso de venda em poucos dias, considerando a perspectiva atual do mercado.

Em janeiro um cliente decidiu mudar de casa. Ele tinha uma cozinha renovada, linda, mas os banheiros tinham cara de 30 anos atrás. Eu sugeri que ele trocasse as bancadas,luminárias e colocasse molduras nos espelhos e pintasse  certos comodos da casa. Mais alguns outros retoques e a casa ficou pronta e vendeu em 20 dias.

Portanto, seu corretor poderá ser uma pessoa importante não somente na hora da compra ou venda, mas lhe fornecendo informações sobre a tendência do mercado para que você gaste seu dinheiro de forma lógica  e com visão estratégica.


quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Evitando Vazamentos em Janelas e Basements


Em época de furacões e tempestades a gente pensa logo em vazamento. Mas este é um cuidado que devemos ter anualmente e as vezes pode ser corrigido com poucos dolares gastos em uma ou mais bisnagas de silicone, ou algumas horas inspecionando calhas e outros pequenos cuidados. Eu me lembro que na primeira casa que morei, na primeira inspeção das calhas achamos além de folhas e resíduo de telha ( a telah descasta com o tempo), achamos também 3 bolas de tênis, que poderia perfeitamente ter entrado no cano que descia para a rede pluvial. 
 Vazamento nos porões são  um dos problemas mais comuns da casa. Entretanto você pode prevenir a penetração de água em casa fazendo sua manutenção annual principalmente agora, antes do inverno. Temos chuva antes do inverno e no começo da primavera. Reveja sua propriedade anualmente para todos os problemas listados abaixo. Estas são causas de vazamentos de porão.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Verifique Seus Detetores de Fumaça e CO

Aqui no Canadá é necessário e acredito ser obrigatório na maioria das cidades ter detetores de fumaça e monóxido de carbono. Aqui em Ontário é obrigatório ter detetores de fumaça em todos os andares e detetor de CO pelo menos na área dos quartos.

Detetores de fumaça e de carbonóxido devem ser testado pelo menos duas vezes ao ano. Deve-se ter um detetor de fumaça em cada andar incluindo o basement e um de CO pelo menos perto da área dos quartos. É importante saber que estes equipamentos tem vida útil que varia de acordo com cada fabricante. Verifique se o equipamento que você tem em casa tem data de fabricação e procure na internet qual a durabilidade deles estabeleciuda pelo fabricante. Eu já tive a oportunidade de usar duas marcar diferentes em minha casa e a validade deles era de 7 anos a partir da instalação. Eu particularmente gosto de ter um detector de CO também no primeiro andar. Uma dica é escrever a validade no equipamento com caneta marcadora permanente, caso não exista nenhuma etiqueta dizendo a data de expiração.

Se você se mudou para uma casa que tenha detetores de fumaça e CO operantes, verifique também se eles estão dentro da validade, pois muitos proprietários não tem conhecimento da validade dos produtos e apenas garantem que existe pilhas carregada. Na minha casa por exemplo nós achamos um detetor de fumaça com mais de 15 anos. Totalmente vencido! Além disto os padrões mudam de tempos em tempos e mesmo que eles ainda funcionem? ( disparam diante do perigo) pode ser que que a sensibilidade já não esteja lá estas coisas.

A finalidade do detetor de CO é pegar algum vazamento de gás proveniente do forno de aquecimento. Entretanto se você aquece o carro dentro da garagem, falhas no isolamento da casa pode gerar aumento de CO dentro de casa. Portanto ao ligar o carro dentro da garagem, abra o portão e feche a porta que comunica para dentro da casa , se houver alguma. Oriente seus filhos quanto a este perigo, pois há estatística de morte de jovem dentro de garagem aqui no Canadá.

Outra dica de segurança importante é ter extintor de incêndio multiuso pelo menos no andar pricipal,  e escada de emergência nos quartos. Mas lembre-se de avisar aos membros da família aonde ficam e como usar em caso de necessidade. Assim como os detetores, o extintor também precisa ser verificado pelo menos anualmente.

Uma demonstração do corpo de bombeiro feito na empresa onde meu marido trabalha, mostrou para os expectadores como é rápido o processo. Segundo meu marido não há realmente tempo para buscar absolutamente nada. É procurar a saida e chamar corpo de bombeiro.



Assim como no vídeo anexado, o corpo de bombeiro demonstra a importância da instalação do sistema de sprinklers também na área residencial. Hoje sistema de sprinklers é mais usado na área industrial e comercial.

Muitas pessoas desligam o detetor de fumaça que é acionado com frequência principalmente os localizados perto de cozinha. Minha sugestão é,  se ele for sem fio, mude-o de lugar ou use ou instale um exaustor mais possante na cozinha. ventiladores de teto também podem ajudar a dissipar o cheiro e evitar acionar o detetor. Mas instale-o em lugar apropriado, pois a cozinha é sempre uma das grandes fontes de incêndio em uma casa.

Leia também este documento sobre o que fazer quando o detetor de CO for acionado. Eu já passei pela experiência de chegar em casa e ele estar disparado. As únicas coisas que eu sabia é que não deveria respirar, não ligar nenhuma luz e abrir as janelas.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Melhor Época de se Alugar Imóvel no Canadá

Quando é uma boa época para se mudar no Canadá? 
Bom, se você pode planejar e escolher,na minha opinião, sem dúvida nenhuma, durante a primavera até o meio do outono. Portanto nos lugares mais quente como Vancouver, de março a fim de novembro. Em locais mais frios como Calgary, Winnipeg eu diria fim de abril, princípio de maio até meados de outubro.

Porque?
1- Mais imóveis disponibilizados- O inventário de imóveis para alugar aumenta e diminui mais ou menos acompanhando a mudança das estações. A maioria das pessoas não gostam de mudar no meio do inverno ou durante o ano letivo dos filhos. Como geralmente uma boa parte dos contratos são Lease, com o vencimento do contrato, mais pessoas se mudam. Depois de um ano o proprietário pode aumentar o aluguel de acordo com regras locais e muitos inquilinos mudam para algo melhor ou mais barato.
2- Tempo- Depois que a neve descongela e a temperatura sobe, fica mais agradável ficar carregando coisas para lá e para cá. Imagina carregar móveis pesados em pleno mês de dezembro/janeiro quando as calçadas estão cheias de neve ou as vezes até congelada. Muito perigoso e muita sujeira.
3- Aumento de Venda de Imóveis- Devido a alta temporada de venda de imóveis ou finalização das construções, muitos investidores compram e disponibilizam para aluguel.

Cada mercado tanto de venda quanto aluguel é bastante distinto, mas de um modo geral, se o imóvel for bem  localizado, estiver em boas condições e  na faixa de mercado, ele será alugado rápido. Portanto quando achar algo que satisfaça não demore a tomar a decisão. Tenha todos os documentos exigidos pelos locadores em mãos para agilizar o processo e esteja com a disponibilidade de pagar o primeiro e ultimo mês de aluguel. 

Caso você precise alugar um imóvel mais no fim do outono e inverno, esteja preparado para maiores buscas, pouco inventário e ofertas múltiplas e talvez preço mais alto.

sábado, 7 de abril de 2012

Pintando Virtualmente a sua Casa

Já  aconteceu de você gostar de uma cor na cartela ou na casa de alguém, mas quando usou na sua casa você ficou decepcionada? De repente a combinação da cor com seus móveis ou layout não caiu bem? A iluminação natural do seu cômodo deu a nuance de cor esperada? 
Eu já vivi esta experiência algumas vêzes e não é nada agradável mudar a cor de um cômodo e continuar não gostando!
Hoje eu descobri um programa que pode dar uma idéia de como ficaria a cor que você escolheu exatamente na sua casa.
Neste link aqui tem alguns aplicativos que permite você usar a foto do seu cômodo e pintá-lo virtualmente. Veja qual é mais interessante e mais fácil de usar  e independente da marca da tinta, normalmente é possível fazer um "colour match" para a marca que você gosta. 
Usando o programa eu descobri algumas coisas que facilitam a utilização da foto:
* Tire uma foto bem de frente para a parede que quer pintar no software
* Evite ângulos que deem muito reflexo de luzes.
*Procure um ângulo que pegue o seus móveis para que lhe dê um contraste entre a tinta e a mobília.
* Escolha a cor que você quer, na palheta de papel  da marca favorita  e procure na marca do software na tela virtual aquela que mais se aproxima da cor da sua escolha no papel, pois a tonalidade pode variar de um computador para outro. A Behr tem scanner que pode identificar a cor aproximada. Desta forma você pode usar a cor de um objeto, ou de algum detalhe da decoração para identificar a cor desejada.
* Tire várias fotos e brinque com os programas, salvando as fotos e depois imprimindo para ver de perto o resultado em diferentes cores.

Divirta-se!


quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Humidificador, Porque Instalar Um!

Quando chega o inverno e o aquecimento é ligado, em poucos dias notamos o ressecamento da pele, do nariz e boca durante a noite.
O índice de humidade dentro de casa deve ficar en torno de 50  a 55%. Desta forma melhoramos as condições de saúde e  bem estar sem causar riscos de desenvolver fungos em casa. Umidade acima deste percentual pode ser um risco a formação de bolores em paredes, sotão e móveis.

Existem basicamente dois tipos de humidificadores: o individual ou o do forno de aquecimento. A diferença básica entre eles é que o invidual é uma unidade que cada pessoa coloca em seu quarto e abastece o galão de água regularmente. O humidificador do sistema de aquecimento ou humidificador central é um aparelho colocado no aquecimento central e joga o vapor húmido dentro da tubulação quando o aquecimento é ligado.

Um humidificador individual custa entre 25 a 80 dolares  e pode ser a vapor frio ou quente. O de vapor frio é mais indicado pois não aumenta a temperatura do ambiente.
O humificiador central custa entre 90 a 300 dolares e depende do grau de sofisticação  e capacidade em galões de água, o que está diretamente ligado ao tamanho da casa. Portanto, antes de comprar um, saiba qual o tamanho da sua casa em pés quadrados. Os modelos mais sofisticados tem indicador de umidade digital com precisão , enquanto modelos mais simples podem ter apenas o botão liga desliga.

O humidificador central requer um abastecimento de água direto e manutenção para verificar o estado de conservação do filtro. Como a água no Canadá é bastante calcárea em algumas províncias, pode ser que durante o inverno haja necessidade de trocar ou limpar o filtro e remover o cálcio. Existem modelos cujo filtro é descartável e outros são limpáveis ( pelo menos algumas vêzes).

Vantagens da instalação do humificador:
* Mantém as vias respiratórias mais hidratadas evitando crises alérgicas, gripes, sinusites e outras doenças respirátorias relacionadas.
* Melhora a qualidade do sono, pois do contr'ário acordamos muito a noite com nariz obstruído e boca seca.
* Evita danos aos móveis de madeira e também tábuas de piso: quando a humidade é baixa, as tábuas encolhem e aumentam gretas e tendem a torcer.
* Evita danos a pele, que pode ficar áspera, ressecada e irritada pela ação de perda de humidade.
* Diminui a energia estática e também a pequenas sensação de choque quando tocamos alguns objetos e outras pessoas, principalmente em casas onde existe muita área carpetada.

Antes de comprar o seu humidificador leia sobre as marcas disponíveis no mercado e veja qual é o mais adequado ao seu caso, mas seja ele portátil ou central, a sua instalação só trará benefícios sua casa e à sua família.  

sábado, 26 de novembro de 2011

Olhe Para Cima

Toda casa tem um teto mas raramente é notado pelo comprador. Geralmente as pessoas só olham para o chão e as parede, mas o teto pode ser um grande indicador de problemas. Portanto, seja você um proprietário ou comprador, olhe para cima.

O acabamento pode ser de "pipoca", de gesso ou drywall, eventualmente de lambril, entretanto qualquer um deles pode dar sinais de danos ocorridos no passado e que foram negligenciados ou talvez corrigidos pelo proprietário. Manchas do teto podem indicar danos causados pelos canos água e esgoto, vazamento no dreno da banheira, saboneteria interna sem vedação adequada ou um telhado com problemas. As vezes pode até ser uma simples falha no silicone ao redor da banheira, mas requer atenção. Entretanto antes de corrigir qualquer problema, deve-se identificar a causa e corrigir primeiro a fonte do vazamento para evitar que ele ocorra novamente. O teto deverá estar completamente seco para que possa ser reparado. Se o dano for grave, um empreiteiro profissional especializado deve ser contratado.

Mofo é uma ameaça real quando a umidade permanece no teto e no espaço acima dele por um período de tempo. Alguns poucos dias são o suficiente para o mofo começar a crescer dentro do espaço úmido, bastando existir a umidade, temperatura ideal e falta de ventilação. Portanto é importante agir rápido para corrigir o problema, secar o teto pois caso contrário além de lidar com teto danificado, poderá gastar um bom dinheiro para que uma firma especializada venha remover o mofo. Além de ser um perigo para a saúde, o mofo pode eventualmente causar danos estruturais caso seja deixado crescer. Além disto, na hora da venda, caso a casa tenha tido mofo identificado no passado, isto passa a ser fato material que deve ser revelado, mesmo que você tenha um certificado de uma empresa dizendo que ele foi removido. O simples fato de existir mofo, mesmo não sendo o tipo mais prejudicial á saúde, pode ser uma razão para que um comprador desista de um negócio.

Rachaduras do teto não são incomuns e podem ser simplesmente o resultado da assentamento da casaapós a construção ou variação da umidade interna. Entretanto rachadura decorrentes da envergadura das tesouras do teto também podem acontecer e é importante que o inspetor possa lhe orientar sobre que tipo de problema e qual a gravidade dele. Até casas mais velhas podem continuar a assentar por anos e anos e apresentar problemas. Se as rachaduras são menores, elas podem ser reparadas com relativa facilidade. A técnica utilizada vai depender do material do teto. Velhos tetos feito com gesso , muitas vezes,vão afundar e rachar ao longo do tempo, e podem ser corrigidos com drywall ao invés de gesso novo. Rachaduras do acabamento de pipoca pode ser coberta com sprays aerosol feitos especificamente para este uso, entretanto danos maiores mostram que houve remendo. Muitas vêzes a remoção do acabamento de pipoca ou a recolocação de novo drywall é o caminho para um visual perfeito. Grandes rachadura podem ser devido à atividade sísmica ou problemas estruturais e deve ser avaliada por um profissional antes de reparo ou substituição.

Prestar atenção ao teto realmente valhe a pena, permitindo a descoberta de pequenos problemas antes que eles se tornem grandes - evitando assim que eles evoluam para estágios mais graves e potencialmente com reparo caro no futuro. E no caso de você estar comprando agora, evitar surpresas desagradáveis no futuro.



sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Você Está Perdendo Energia em Casa?

O inverno não iniciou oficialmente, mas a temperatura já não é de outono. Com a temperatura hoje aqui em 2° C o aquecimento tem de estar ligado.Não interessa qual o método de aquecimento que você tenha em casa, seja ele a lenha ( pouco provável pois este tipo é mais usado em casas de fazenda), seja elétrico , gás ou propano, o importante é que a vedação da casa seja boa, pois do contrário você gastando dinheiro a mais.
Embora neste momento a manutenção básica já deveria ter sido feita, existem casos que nos passam despercebidos ou que notamos a medida que os problemas surgem.
Mas ainda é tempo de ajudar ao bolso e ao meio ambiente.
Com os pés descalços pise no meio do cômodo e chegue perto perto de cada porta e janela e observe se você nota grande variação de temperatura. Passe as mãos ao redor do marco de portas e janelas e veja se tem alguma fresta por onde o ar entra. O problema pode estar na borracha de vedação na lateral de portas ou no acabamento debaixo das portas de abrir e fechar. Já nas portas para pátio pode ser a fita peluda de vedação com a armação. E uma última opção é um espaço entre a parede da casa e os marcos que não foram propriamente isolados.
Nas janelas depende do tipo. Nas de correr existe uma vedação de borracha entre cada bandeira que pode ter amassado ou arrancado ou então na armação tem a mesma fita peluda que existe nas portas de pátio. Nas janelas de abrir e fechar com manivela, também existe borrachas. Veja se tem alguma borracha danificada.
Seja lá qual for o problema que identificar, a maioria deles exije fácil correção. As borrachas de acabamento lateral da porta geralmente são de encaixe. Tire um pedaço e leve na loja de material de construção e compre o reparo. Já o acabamento debaixo da porta é parafusado geralmente. Também sugiro retirar um pedaço ou uma foto, medir a largura pois existem de diferentes formatos. No olhômetro é facil cometer enganos. As borrachas de vedação das janelas de correr é comprada em rolos que as vezes dão para diversas janelas.
Navegando na internet eu achei alguns vídeos de como fazer certos reparos.  fotos que mostram exatamente tudo que estou falando . Neste post no dia 14 de novembro de 2006 o autor mostra exatamente tudo que estou falando com ótimas fotos sobre o que estou falando acima. Para quem tem dúvidas, dê uma olhada.

As vêzes o vento enta por frestas entre o marco da porta  janela e a casa. Neste caso este vídeo abaixo mostra exatamente como corrigir.

Algumas horas mais tarde e alguns doláres a menos em sua conta, você passará um inverno maisquentinho dentro de casa e salvará muitos dólares em conta de gás ou eletricidade.


segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Trocando Telhado , o Que Você Deve Saber

Há sempre o jeito certo, o errado e o alternativo ( a famosa gambiarra) .
Esta semana aconteceu duas vezes comigo. Enquanto mostrava uma casa ao cliente foi notado que o telhado da casa tinha duas camadas de "shingles".
O que é shingle? É uma cobertura  para telhado sendo que a mais popular e prática , usada no Canadá e feita de asfalto, folha plana,  com pequenas pedrinhas, que tem um lado reto e a outra recortada. Os shigles também podem ser de madeira, metal ou de cerâmica, mas não são populares devido ao alto custo ou manutenção. Os shigles de asfalto  vem em diferente cores e espessuras. A espessura determina a durabilidade. Ela é colocada de forma sobreposta de maneira que quando olhamos temos a impressão de que são pequenos quadrados.
Geralmente um telhado feito com "shingle de asfalto dura no mínimo 10 anos, mas podem ser fabricados com durabilidade para 15, 20, 25, 30, 35 e  40 anos. Quanto maior a durabilidade, mais espesso, mais pesado e mais caro. Geralm,ente numa casa nova, as construtoras usam telhas de durabilidade menor para baratear os custos.
Quando um telhado chega ao final de sua vida útil , nós notamos algumas alterações: as telhas apresentam erosão das pedrinhas, começam a levantar as bordas , apresentam faixas mais escuras ou mais clara aonde a água de uma calha escorre ( por exemplo) e muitas delas descolam e arrancam pedaços. Desta forma abre se oportunidade para vazamento e em casos de tempestades e ventanias, telhados com bordas levantadas sempre tem mais chance de danos.
A troca de um telhado requista mão de obra especializada, de alto risco, de custo relativamente caro. Portanto na hora de comprar uma casa é importante saber a idade aproximada da casa para se calcular em quantos haverá necessidade de trocar as telhas. Caso a troca já tenha sido feita, é bom saber quando isto aconteceu e se possivel qual a durabilidade da telhada colocada.
Quando cotar um serviço de troca de telhado é importante saber e considerar:
  • Quando o serviço será executado? O ideal é que seja feita na primavera ou verão. Quanto mais cedo melhor. Se você troca na primavera, terá chances de passar pela estação chuvosa e identificar algum vazamento. Caso faça no  meio do outono, pegará pouca chuva e logo depois a neve. Ter um avazamento no meio do inverno, significa ficar com ele todo o inverno, pois nenhum profissional vai subir num telhado coberto de neve para arrumar.
  • Como o serviço será feito? A empresa contratada retira a telha e dispoem dela? Ou você terá que arcar com este trabalho? A empresa contratada vai apenas colocar uma telha em cima da existente? Esta é a famosa via alternativa. Gambiarra! Algum "profissional " poderá justificar que remover a camada anterior pode causar algum dano e gerar vazamentos futuros. Não resta a menor dúvida que mexer vai mexer com a estrutura, entretanto um serviço bem feito deverá restabelecer a funcionalidade do telhado sem problemas. Colocar uma nova camada de telha aumenta o peso sobre o telhado, praticamente dobra. E quando vem a neve este peso soma. Será que as tesouras de sustentação estão preparadas para isto?
  • O rufo será substituído? E as calhas? Há necessidade de refazer? O rufo sempre deve ser refeito. As bordas de metal devem ser calafetadas. É sempre bom fotografar etapas do processo e ter alguém da casa observando como o serviço foi feito. Em caso de problemas você terá como discutir com outro profissional para intermediar o conserto.
  • Escolher uma cor de telha mais escura que o tijolo para fazer um contraste que valorize a casa.
  • Contratar empresas com longa vida no mercado. Empresas novas podem desaparecer e se der algum problema a quem você vai recorrer. Nem sempre o  preço masi baixo é a melhor opção.
  • Saber se a empresa contratada tem seguro para danos a terceiros para todos os empregados no serviço. Por se tratar de um trabalho de alto risco, se não houver seguro, a responsabilidade civil se torna sua,caso alguém despenque do telhado machuque ou morre. Procure saber que tipo de equipamento de segurança eles usam quando trabalham. Exija que o número da police de seguro seja colocado no contrato entre você e a empresa.
  • Que tipo de container eles usam para dispor do material retirado? Com barras de metal que apoiam sobre o estacionamento ou rodas? Containers que apoiam sobre base metálica geralmente danificam o estacionamento quando estão sendo colocado ou removido. Se não houver opção, recomende apoio de madeira no local aonde a base metalica ficar. Os que são apoiados sobre pneu é mais recomendado.
  • Se existe claraboias de acrílico ( skylight) , avalie se elas precsiam ser trocadas. Quem vai fazer o pedido.?Você ou a empresa contratada? Quanto custa? Há vantagens em você fazer o pedido? Quanto tempo antes você precisa fazer o pedido? Não assuma que eles vão tomar conta de tudo. Quase todo serviço extra tem custo adicional. E por um skylight eles geralmente cobram um valor a mais pelo trabalho de pedir e buscar. Quanto mais?
  • Quantas pessoas vão trabalhar no dia da troca? Geralmente empresas grandes tem  em média 5 a 8 trabalhadores executando o serviço. Para um telhado de mais ou menos 200 m2 isto deve levar de 5 a 7 hs de trabalho, entre remover o telhado velho, colocar o novo e limpar a área. Empresas menores terão menos homens. Eles conseguem fazer a troca no mesmo dia? E se chover? As condições do dia são fundamentais para a troca de um telhado.
  • Não pague adiantado. No muito dê um sinal. Empresas grandes geralmente fazem o serviço e recebem depois. É mais seguro. Empresas de telhado tem fama negativa no mercado. Dê preferência por aquelas com anos de tradição.
  • Mesmo que você pretende vender sua casa a curto prazo, não pense em fazer um serviço qualquer só para "maquiar" a casa. Se quer economizar na troca da telha, escolha uma telha com vida útil menor, mas a colocação delas tem de ser bem feita. Um vazamento de telhado trocado recente continua sendo de responsabilidade de quem vendeu. Caso exista garantia, repasse-a a quem comprar.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

O Mercado É Dinâmico, Tempo é Fator Chave

O mercado imobiliário tem seus altos e baixos, sofre influência direta da situação econômica, das estações climáticas ( pelo menos aqui no Canadá), mas a sua essência é dinâmica e o tempo é um fator que determina quem compra o que e quando.
Seja em aluguéis ou em venda, compradores e vendedores estão competindo num mercado que depende de demanda e procura. Se a economia está em baixa geralmente temos maior inventário e isto é chamado aqui de "Buyer's Market". Se a economia está em alta geralmente temos um inventário baixo ou equilibrado e podemos ter "Seller's Market" ou "Balanced Market".
Como avaliamos se o inventário está alto, baixo ou equilibrado? Bom, usamos dados de inventários de anos e meses anteriores e comparamos com as vendas efetuadas em períodos correspondentes. Se cerca de 70 % ou mais vende dentro do mês, temos mercado ativo. Se cerca de 50% vende dentro do mês, mercado equilibrado. Se muito abaixo de 50% vende, mercado lento ou mercado para comprador.
Seja qual for o tipo de mercado que tivermos, ele é diretamente influenciado pelos fatores econômicos( taxa de juro, nível de emprego, recessão, etc) e isto afeta quanto tempo um imóvel ficará no mercado, e cada cidade tem seu perfil próprio.
Num mercado balanceado ou dos vendedores a tendência é dos imóveis venderem ou alugarem num período curto de tempo, caso eles estejam bem apresentáveis, na faixa correta de preço para a área. Geralmente os imóveis mais atualizados ou zonas tidas como "prime"vendem ou alugam em cerca de uma semana  no máximo. Cada mercado tem a sua média de dias no mercado e isto também varia ao longo dos meses. Quando um imóvel dura mais tempo no mercado, fatores como má localização, estado de conservação, estigma e preço alto podem ser a causa. Outras vezes podem ser a particularidade do imóvel tais como lay-out estranho, desatualizado, estilo ou faixa de preço para uma pequena faixa de comprador. 
Quando o mercado está em baixa geralmente quem está à procura são investidores, mas ainda sim,é importante ser rápido e tomar decisão, pois já vi múltiplas ofertas até em mercado lento, como foi em 2008.
Portanto quando você sair para alugar ou comprar, tenha em mente exatamente o que você quer, qual o valor que você pode pagar e vá com olhos de águia. Achou, não perca tempo, pois quando o mercado está ativo, a última coisa que você quer é estar na mesa de negociação competindo com outros compradores ( locadores incluído). Em múltipla oferta, só um leva e geralmente paga mais caro por isto.  
Pergunte ao seu corretor como está o mercado quando iniciar sua procura. Saiba se o valor que você busca  é abaixo ou acima da média local. Confie nas informações recebidas e tome decisões de acordo para evitar frustrações de perder "aquela" casa. 

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

É hora de Trocar a Chave da Casa

Embora no Canadá o índice de criminalidade seja baixo e na minha cidade a gente raramente ouve falar de invasão domiciliar, eu acho que cabe a cada um de nós cuidar da própria segurança e garantir que pelo menos quando você está dentro de casa, você pode dormir tranquilo. Entretanto recentemente ouvi no rádio uma entrevista com um oficial da polícia falando que os números de invasão domiciliar aumentam no verão pois muitas pessoas viajam e deixam a casa com aparência de vazia( correspond6encias e papéis empilhando na entrada, grama alta, coletores de lixo na calçada, carros parados dia e noite no mesmo lugar, luzes apagada durante a noite, etc).
Se você recentemente mudou para uma casa, seja ela sua ou alugada eu considero prudente trocar a chave da fechadura principal. Especialmente quando se trata de imóvel de aluguel, nós nunca sabemos quantas pessoas podem ter aquela chave e mesmo que você tenha comprado, nunca sabemos o histórico de quem  foi dono. Entretanto no caso de imóvel alugado no Canadá , você precisa de permisão do administrador ou dono, pois ele precisa ter uma cópia para caso de emergência. Neste caso uma alternativa simples e barato seria apenas trocar o cilindro da chave por outra de igual marca pois marcas diferentes podem não encaixar no mesmo tamanho de buraco.
Atualmente estou vivendo esta situação. Com seis portas que dão acesso para fora da casa, segurança se torna um assunto prioritário na minha casa. Sai então para procurar fechadura nova, levando em conta que algumas das que eu tenho nas portas se encontram queimadas e corroidas e uma está com a lingueta quebrada. Daria para trocar somente o cilindro de chave, mas feia como estão, dá uma tremenda aparência de desleixo.  Aqui não dá para levar o cilindro e pedir ao chaveiro para trocar o segredo da fechadura. Ou troca-se tudo ou pelo menos a parte do cilindro.

Mas quando você troca toda a fechadura, ainda sim, corre o risco do modelo atual não encaixar totalmente nos furos da porta. Portanto se houver mais portas, faça o teste em uma primeiro.
Eu tenho portas com fechaduras convencionais e outras portas de pátio.Como nunca vi uma casa especializada em fechaduras,  fui para o Home Depot, uma espécie de Leroy Merlin que existe no Brasil em algums cidades. Lá eu vi que só dava para namorar modelos caros e baratos, desenhos modernos e tradicionais e que vendem a falsa sensação de segurança.
Porque?
Vamos lá. Para quem tem porta sólida estas fechaduras funcionam bem. Elas abrem por fora com chave e por dentro tem um botão que gira e abre a porta. Mas a maioria das portas das casas no Canadá tem painel de vidro. Basta quebrar o vidro, rodar o botão do lado de dentro e a porta está aberta.  
Olhei todas as opções de marcas, modelos, cores, desenhos e não eram poucas e todas eram do mesmo tipo. Eu queria um modelo que só pudesse ser aberto com chave ou código, mas  que fosse completa com puxador e eu não encontrei. Todas tem o tal botão giratório que abre por dentro ( deadbolt)
Depois de muito procurar achei uma fechadura na opção única dourada que só abre e fecha com chave, mas não tem puxador. O jeito é colocar as duas. A pena é que eu queria tirar todas as fechaduras douradas e colocar cromada e agora vou ter que manter a tradicional douradona na porta.
Para as portas de pátio ainda estou estudando as opções. A maioria dos fechamentos são simples de botão deslizante que na realidade não oferece nenhuma segurança. Entretanto achei alguns modelos com chave e outras opções como trava de porta.
Fica aí a dica para quem busca uma fechadura mais segura.
Vejam as fotos acima para ver o modelo que achei.


BlogBlogs.Com.Br